João Mosca ataca silêncio da comunidade internacional sobre a fraude